iinspiradas

sábado, 22 de julho de 2017

Crônicas de uma estilista sem coleção

às

Primeiro Ato: A Descoberta

Como tudo começou? Bom, não foi lá muito glamouroso. Eu escolhi cursar moda ainda no ensino médio, após folhear um jornal e cair na parte dos “aprovados no vestibular”, eu li Curso de Moda e Estilo e pensei “Como assim? Existe curso para isso?”. E lá fui euzinha, sem saber muito o que esperar, com desaprovação da família e zero conhecimento na área, e quando eu digo zero, não é exagero! Termos como “Vogue” eu aprendi na faculdade!

Fonte: Shutterstock

Então me apaixonei perdidamente por esse mundo! Mas não foi recíproco. Investi meu tempo, meu dinheiro, meu sono e minha vida social nessa relação, e em troca acabei descobrindo um novo zero em minha vida, e esse bem à esquerda! Acontece que minha graduação em moda era focada no desenvolvimento de coleções... mas criar coleções não era para mim (meu TCC que o diga). Veja meu bem, que ironia, uma estilista que não tem talento para criar coleções!

Apesar disso, Moda é que nem coração de mãe! Acabei conhecendo um pouco de uma profissão em ascensão, a Consultoria de Imagem. Uma chama de esperança se acendeu para a estilista sem coleção, poderia eu viver de moda? Infelizmente não, não naquele momento! Se a profissão era nova no Brasil, quem dirá na minha cidade de interior! Como diria Zé Ramalho, ê, ô, ô, vida de gado. Acabei então engavetando a ideia na mente... mas nunca no coração.

Segundo Ato: A Trajetória

Depois de alguns anos naquela frenética vida de estudante/trabalhadora, enfim chegou a formatura e com ela, um intercâmbio. Novamente uma esperança se acendeu, pois os professores diziam “Viajem, ganhem o mundo, criem bagagem (bagagem cultural né people, não de Zara!) e o céu será o limite”. Então peguei o avião com destino à felicidade e desembarquei em Lisboa para uma das melhores épocas da minha vidinha! Mas o que é bom dura pouco e alguns meses depois voltei ao Brasil com a bagagem cheia de descobertas, lembranças e Zara,  me sentindo a última Trakinas do pacote, pois agora, na visão dos meus antigos professores, eu estava pronta para conquistar o emprego dos sonhos!

(Suspiro profundo)

Não foi o que aconteceu! Me vi formada, desempregada e sem saber o que fazer da vida. Ninguém de fato se interessou pela minha “bagagem”! Lembram da estilista sem coleção? Bem, eu não via talento em mim e talvez ninguém visse. Então começaram a borbulhar em minha mente questionamentos do tipo “Qual minha missão? Quais meus dons? Quais meus talentos? Eu estou nesse mundo pra que mesmo?”, eu não fazia ideia!

- Ah Sarah, que exagerada hein! Você deve ser boa alguma coisa! Sabe cozinhar?
- Não.
- Toca algum instrumento?
- Nooop.
- Canta? Dança? Lava? Passa? Interpreta?
- Humhum. Saber apreciar um bom chocolate conta como talento?

Bom, nessa altura do campeonato, a moda foi perdendo a importância na minha vida e eu fui me apagando, afogada no mar de conformismo e comodismo de uma vida sem dons. Então, sem perceber, entrei em hiato.  

Terceiro Ato: A Reviravolta

Meu hiato me levou a uma encruzilhada, onde, ou eu seguia ladeira abaixo, ou sacudia a poeira. Ladeiras nunca são boas opções, quanto mais a gente desce, mais difícil fica para subir depois, né?! Senti saudades de quem eu era na faculdade, de flertar com a moda! Eu lembrava de quem eu tinha sido, mas, quem eu era agora? Eu não sabia mais! Qual minha identidade, meu estilo, meu visual? Estes questionamentos me levaram a estudar, estudar muito, primeiro por necessidade de me encontrar, depois por perceber que o bem que a moda me fazia, poderia fazer também por outras pessoas.  E assim percebi que havia chegado a hora de desengavetar um antigo plano!
A estilista sem coleção havia enfim se tornado... Consultora de Imagem.

Quarto Ato: A Missão

Algumas pessoas nascem com dons, mas se você, assim como euzinha, pertence àquele grupo que nasceu sem, não se desespere, pegue os limões que vida te deu, faça suco de laranja e deixa a vida ficar se perguntado como foi que você fez isso.

E foi assim que eu decidi (sim, decidi, do verbo: eu me comando) qual seria minha missão! Faria da moda o meu dom, usaria a moda para levar autoestima e autoaceitação para a vida das pessoas. Usaria meus estudos e esforços para ajudar a desenvolver e construir a autoimagem das mulheres através de sua beleza real, perfeita em sua imperfeição.

Eu também não permitiria que mais ninguém, nem eu mesma, dissesse que não tenho talentos, pois descobri que posso fabricar os meus!

Quinto Ato: O Blog

Como eu vim parar aqui? Vocês conhecem uma coisa chamada “sincronicidade”? É sobre como os eventos da vida se conectam e acontecem na hora que tem que acontecer. Eu tenho uma fanpage no Facebook onde divido dicas de moda, a Studio Concept. Certo dia alguém me disse, “você deveria compartilhar suas ideias de uma forma mais ampla, escrevendo também para algum jornal ou blog”. Euzinha escrevendo? Será? Não dei muita bola! Na semana seguinte uma outra pessoa, sem conexão com a primeira, me falou a mesma coisa! Mas gente, eu escrevendo? Sério mesmo? Acho que universo ouviu minha relutância e disse “vai escrever sim senhora!”, dias depois veio o convite da linda da Mônica, (que não conhecia os personagens anteriores) para fazer parte do blog. The End. Se a vida quer, quem sou eu para desquerer né?!

Agora estou aqui, contando meu relato a vocês, me aventurando neste lindo mundo novo de palavras. A partir de agora, dividirei um pouquinho dos meus princípios de autoamor e darei dicas de uma moda humanizada sem aquele mimimi de “pode, não pode” que ninguém aguenta mais! Vamos falar de moda de um jeitinho descomplicado e acessível. Porque no fim das contas, a gente está nesse mundo é para ser feliz, e a moda pode ser um jeito muito divertido de se libertar!!!


Até a próxima Inspiretes! <3


2 comentários:

  1. Sabe aquela história que te inspira, que te motiva? Foi o que li no teu post. Lutar pelo que se ama e não desistir. Que bom que não desistiu. Todo o sucesso do mundo para ti. Bjs

    ResponderExcluir
  2. A P A I X O N A D A!!! Sério, tô aqui na beiradinha da cadeira esperando os próximos capítulos!!

    Sucesso, lindeza!!

    =*

    ResponderExcluir